27.8.10

Quantas vezes será preciso dizer para que não voltes a olhar para mim? Já não chega tudo aquilo que fizeste? És puro coração negro que me invade, com uma desilusão constante de algo que já não é presente nem futuro. Não quero mais olhar para algo que não nos pertenceu, embora nada tivesse sido nosso antes. És uma cruel alma que sempre caminhou nos meus sonhos e me fez acreditar que algo poderia existir para além de uma pura ilusão (your faceless lies), mas quando os meus olhos viam o escuro da tua sombra tudo fazia sentido, deixando apenas um rasto de pequena esperança que aos pouco se foi dissipando com o vento (your hope is gone, and so is mine).  Não quero mais! Estou farta de ti! Quero que sintas, por tudo aquilo que me disseste, ou não disseste, e que apenas ignoraste ou guardaste para ti com medo ou sem vontade, mas agora as minhas costas estão voltadas para ti (are you holding on? keep holding on), os meus ouvidos calados e todo o meu coração bloqueado para quaisquer palavras que venham de ti, com significados profundos ou não. Não vou estar mais aqui para ti, para quando precisas ou necessitas! Não sou nenhum objecto de tortura ou escravidão, mas agora quero que consigas ver tudo aquilo que eu vi na altura. Escusas de falar comigo com aquela melodia, olhar-me com esses olhos brilhantes e acolhedores, já não me dizem nada. Apenas, (I brought you to life so i can hear you scream)!
Não vou correr mais atrás de algo impossível, já devias ter percebido que mudei, que tudo aquilo que te mostrava terminou depois de tudo aquilo que me fizeste. Era tão simples, e tu complicaste tudo. Mas isso é mesmo teu, nunca foste muito compreensivo, pelo menos nos últimos anos. Quando somos inocentes é tudo tão mais fácil (crawl back inside).
Vai! Eu já encontrei a minha felicidade, e não é a teu lado. Iludiste-me bem, mas não conseguiste cegar-me completamente.

Vou estar sempre aqui para ti.



PS- Parabéns Rui.

38 comentários:

m disse...

gostei de tudo, das contradiçoes, das notas, de tudo


beijo*

Danii disse...

Muito obrigada minha querida ! és um amor $:
(não tenho tempo para ler o teu post agora, mas prometo que leio daqui a nada :p)

rita disse...

grande texto, escreves lindamente *-* como tenho blog à pouco tempo e nao percebo muito podias me dizer o q sao os selos? e para q servem $:

Cat disse...

Não é e nunca será um arrependimento. É apenas uma saudade imensa de quem preferiu sair, e uma vontade de saber como teria sido. Aprendi a nunca me permitir ter arrependimentos. Sou mais feliz atrás do que me faz bem e empurra para a frente.

Gostei do texto :)

Mafalda Marques disse...

De nada (:

JoanaLuz disse...

ja vi q conseguist:D

n incomodas nada kerida, tas ha vontade axerio:D

kando kiseres ja sabes..ehehe

bigada mia kerida:P

Danii disse...

Está lindo! E como te entendo, como entendo cada palavra $: força fofinha :)

r i t a disse...

oh, muito obrigada :$
fico feliz por ser , mesmo.
oh , em londres ? quem me dera. É a minha cidade de sonho, querida.
não tem mal , podes perguntar o que quiseres :) *

p.s : tens facebook? *.*

Daniela disse...

Não me agradeças, eu adorei-o completamente *.*

m disse...

obrigada pelas palavras catarina <3

MARGARIDA BELOTO disse...

maravilhoso.

Carla disse...

Eu nunca fiz tambem (a não ser no singstar) mas gostava mesmo.Deve ser tão mas tão engraçado. :D

Vanessa disse...

Gostei imenso do teu blogue :) vou seguir *

rita disse...

ah, acho q ja estou a perceber querida. por exemplo, o selo q tens "este blog é fotogenico", mandaram a uma pessoa e depois essa pessoa mandou-te a ti certo? :)
muito obrigada, novamente :) tens sido uma grande ajuda :D

r i t a disse...

a sério ? tiveste ao menos essa sorte querida. eu ainda não consegui ir lá !
eu vou adicionar , querida :b
sim fui eu *-*
aquilo era o que eu já precisava á muito. de uma libertação definitiva dele. só me fazia mal, não dava mais. eu sou o contrário dele. não me conformo com as situações que me fazem mal. um dia ele vai acabar mal por causa dessas imaturidades .
beijinhos *

Danii disse...

Fico tão feliz por ti, juro $:
Sei o que é passar por isso.
Muito obrigada minha querida +.+

Marcos Pereira [MP] disse...

obrigado pelo comentário :)
tens aqui um grande post e um grande texto. Contradições, revolta, descrição boa, enfim um bom texto de início ao fim! :)

beijinho*

m disse...

yaa! :| mas espero que gostes da espécie de "gap year"
beijinhoos

m disse...

yaa! :| mas espero que gostes da espécie de "gap year"
beijinhoos

m disse...

yaa! :| mas espero que gostes da espécie de "gap year"
beijinhoos

Carla disse...

Pois, é mesmo diferente.
Boa sorte com isso.ahah Depois se conseguires conta-me como foi.:P

rita disse...

ola, muito obrigada :) uma vez uma menina mandou-me um comentario q dizia: "selinho para ti no meu blog", ou seja, eu posso por esse selo no meu blog? e tenho q responder tbm às perguntas q a menina respondeu?
e o mesmo contigo, depois posso por o teu selinho no meu blog e tenho q responder às perguntas?
mais uma vez obrigada por tudo :D

JoanaLuz disse...

bigada mia kerida:D

o teu texto ta lindissimo msm:P

parabéns

Danii disse...

É isso mesmo fofinha :)
Não tens que agradecer :o

Herético disse...

achei tão quueridinho, o teu texto (a)

Marcos Pereira [MP] disse...

Obrigado pelos elogios. Do que li também gosto da tua escrita e quanto ao blog está um máximo.

Segui (:

r i t a disse...

ainda bem que gostaste , querida :)
eu fico á espera :b
há decisões que tem mesmo que ser tomadas !

MARGARIDA BELOTO disse...

obrigada minha querida!
mas tu também escreves tão bem, mg *.*

Carla disse...

Claro que vais conseguir.:D Ainda há pessoas aventureiras.:D

JoanaLuz disse...

ho bigada mia lindaa:S

es uma kerida:d mto msm

eu tbm adoro os teux textuxinhos:D

bigada msm:S

Danii disse...

Obrigada minha querida :)

Carla disse...

Assim ainda tem muito mais piada.ahah

r i t a disse...

gostava muito :b
NEM MAIS !

Eu sem Grande parte de Mim disse...

Muito bom... precisava de ter vontade e força como tu...

MARGARIDA BELOTO disse...

não figas isso querida! tu escreves tão bem, ou ainda MELHOR do que eu!

MARGARIDA BELOTO disse...

ho, não digas isso :o
eu também chorei um bocado com o filme $:

Marta Sofia disse...

Gostei, vou seguir :)

AC disse...

Obrigada pelo comentário :)
Pois, é sempre difícil lidar com a ilusão. Mas penso que o mais complicado é conseguir abrir os olhos para a verdadeira realidade. Nem sempre queremos enfrenta-la e só com o tempo é que acabamos por ser forçados a acordar da ilusão (muitas vezes por nós construída) e a aceitar isso.

Gosto do blog :)